terça-feira, 31 de agosto de 2010

E Guilherme chega à NZ!

Guilherme chegou!
Depois da viagem que foi uma aventura, com direito a avião atrasado aqui em Goiânia, taxi em São Paulo pra ir de Congonhas a Guarulhos, quase perda do avião pra Buenos Aires e demora na imigração em Auckland, que o fizeram perder o voo pra Wellington, ele chegou!
E já foi lá conhecer o lugar em que ele vai trabalhar, o pessoal... Participou das festas e brincadeiras que rolam, além de providenciar uma fantasia que começasse com a letra P (a dele foi de Policial) pra usar sexta feira passada, olha a foto!


É assim o trabalho na Nova Zelândia, colegas...
É uma colônia de férias em que vc é pago pra participar.
:P
Fora isso, ficou a semana passada na correria pra alugar apartamento, abrir conta em banco, providenciar o visto de trabalho (que, literalmente, dá um trabalho danado)...
E o q ele disse sobre a NZ?
Que lá é lindo (como a gente já esperava). Que as pessoas são mto prestativas e educadas (incluindo no trânsito. Segundo ele todo mundo dirige devagar, dá passagem pros outros motoristas, param pros pedestres mesmo onde não tem faixa). Que, quando faz sol, nem fica tão frio assim.
Esse fim de semana ele passou na casa de um colega de escritório e até fez strogonoff pro pessoal. Olha a vista que ele tinha do lugar onde tava dormindo:



E eu tô aqui, enroladíssima nessa história de tirar meu visto.
Já li um monte de guias e formulários e ainda não decidi que tipo de visto seria melhor eu tirar.
Sei que, independente de qual for, envolve pelo menos uma ida a Brasília pra fazer um raio-x de tórax (talvez uma consulta e mais exames tb) e entregar tudo na embaixada.
A partir daí, terei que esperar a resposta, que pode levar de 15 a 30 dias ÚTEIS.
Ou seja, o plano de ir dia 1º de outubro está a um passo de ir por água abaixo.
Enqto isso tô num tédio tão grande que hj quase fui trabalhar, só pra não ficar em casa.
Já mandei o convite pro Guilherme participar do blog, contar ele próprio as novidades e postar fotos, mas vcs conhecem a peça. Um dia ele aparece por aqui.
:D

Pra finalizar, aqui estão algumas fotos que ele me mandou:

O trajeto do avião

Mão inglesa
Tráfego intenso...

O porto

Essa estrada vai contornando o mar


sábado, 21 de agosto de 2010

O começo da mudança

Segunda e terça começamos a mudança, efetivamente: do apartamento onde morávamos para a casa da minha mãe e da Helena (um pouco pra cada lugar).
A partir daí restaram os últimos preparativos do Guilherme (que não eram poucos), mas acredito que tudo tenha sido resolvido.
Hoje, às 15h20, ele embarcou pra São Paulo.
E foi triste, claro. Tinha como não ser?
A essa hora ele tá descendo em Congonhas pra então pegar o ônibus pra Guarulhos.
Às 20h40 sai de São Paulo pra Buenos Aires. Às 2h15 de Buenos Aires pra Auckland, chegando lá às 6h55 (embora sejam quase 14h de viagem). Às 9h sai de Auckland pra Wellington, mais 1h de viagem, e chega às 10h05. Fazendo as contas, dá 29 horas de viagem ao todo.
Ele vai sozinho pro outro lado do planeta (e tem medo de avião) começar uma vida nova, alugar apartamento, lutar contra as forças ocultas do fuso horário, no inverno (ok, o inverno tá no fim, mas ainda é!).
E eu vou ficar aqui, terminando de arrumar as coisas (que continuam não sendo poucas) pra então encarar umas 36 horas de viagem.
Sei que, no fim das contas, tudo vai dar certo e acredito sinceramente que vai ser uma boa experiência, mas esse momento de separação é realmente triste.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Post de abertura

Como todos ja sabem, estamos de mudança pra Nova Zelandia.
Guilherme vai dia 20 de agosto e eu, dia 1° de outubro.
Fiquei pensando em qual seria a melhor forma de manter contato com todo mundo e cheguei a conclusao de que seria atraves de um blog.
E ca estamos.
:D
Como vou ter mto tempo livre (ja que, em principio, nao vou trabalhar) eh possivel (e provavel) que as atualizaçoes sejam frequentes.
Por hora o que tenho a dizer eh que a correria ta grande.
Temos mta coisa pra fazer em pouco tempo
Pra melhorar, o Guilherme ta mega gripado, em casa, de cama.
E eu to na casa da minha mae, operada.
Mas sobreviveremos e provavelmente surgirao por aqui mtas fotos e comentarios curiosos.

p.s.: os acentos eu fico devendo, mas eh que o computador do Caio nao tem... fica no ar o por que.
Ocorreu um erro neste gadget